A Penumbra

penumbra

Não se têm mais importância quando não enxergamos outra saída. Certamente, do que vale ter outra saída se os caminhos são realmente devastadores. Deus! Obrigado por testar-me para ver o quanto o meu coração armazena de ódio. Espero que eu não seja o único fantoche desta realidade inconsolável, árdua e derradeira.

Sou um anjo caído, um pássaro sem asas. Sou jovem com uma alma envelhecida e desta vida já enterrei sonhos, esperanças, oportunidades. Apenas, não consegui enterrar frustrações, mágoas e rancores.

Em minha eterna morada habita o silencio póstumo, a celebração da morte. Convivo através de sorrisos e ao fundo do meu olhar revelo todas as lágrimas – recordo-me brevemente que palhaços também choram, outros se tornaram suicidas e alguns perderam a magia da alegria.

Realmente a vida não esconde a sua forma obscura, pois tudo depende de como você deseja enxergá-la e abrir somente os olhos não é ver tudo aquilo que o mundo tem a oferecer. Contudo, por algum momento da minha vida pensei estar fazendo parte de algum clube de escritores, engano-me.

Nossa arte é solitária, réu confesso, por possuir a chave da morte e da vida. Aí de nós escribas! Alquimistas, o câncer de nossas almas defronte ao destino incerto que iremos até o final de nosso suspiro pelejar.

Descreveremos nossas dores, morreremos por amores que deixamos de viver, cortejaremos a solidão de nossos ossos entre bons e maus pensamentos. Somos todos órfãos… Serviçais… Escravos da prostituição.

O erotismo de nossas mentes é o que revela a nossa santidade, o ato de nos entregar até mesmo sem sentir amor. Morreremos, sim. Por tudo aquilo que um dia nos faltou viver e que nem a minha próxima linha escrita foi capaz de descrever.

 ***

Vamos lá, deixe um comentário ; )

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s