A maçã verde

maca

Ela veio em minha direção
Com o olhar aguçado, espreito.
Deixou-me só.

De cabelo curto
Rosto de traços finos
Tudo chegou a ser lindo.

Seu andar suave e vestido longo
Guardo-me em recordações
Ao lembrar do seu perfume contra o vento.

Da maçã verde em suas mãos
Da mordida suculenta
Dos seus dentes brancos.

Da minha vontade
Do meu desejo
Em sentir os seus lábios, sem querer sentir seu beijo.

 

Vamos lá, deixe um comentário ; )

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s