O Passado

Não quero me lembrar de ti, mas confesso que não consigo esquecer facilmente sendo que foi deixado marcas de amor, ferimentos que causaram dor. Quero olhar para o céu e não te ver como estrela. Apenas, pretendo ao ouvir o seu nome e encarar como o passado, o deixado para trás.

Que não exista magoas…

Falhas…

Nada.

Mais nada, que não seja além do passado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s