O Nada

onadaAcordo olhando o nada que possuo. O meu corpo e as minhas marcas. Tatuagens que descrevem toda minha vida. O meu insaciável desejo, a loucura deste leito, emaranhados pesadelos. Minha alma vaga por todos os cantos. Sinto-me, creio em todos os mistérios. Não amo todas as cores, pois tenho minhas verdadeiras preferências. Escrevo por mim antes de pensar em vocês e não vejam como egoísmo. Resta-me o tudo que tenho em meio aos prazeres deste mundo.

Vamos lá, deixe um comentário ; )

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s