Translúcido

translucido

Enterrei o ontem, o meu sentimento, o passado.

Enxuguei lágrimas e gotas de sangue.

Porém, nem tudo são flores.

 

Guardei-me entre pensamentos, solidão.

Entre quartos e madrugadas frias.

Motéis, hotéis o ambiente erótico é a minha epidemia.

 

O suor do meu corpo, o desejo, sem ser por outro corpo.

Nojento é olhar tudo vazio, pretensioso, morto.

Os gemidos são falsos e as palavras amargas.

 

O amor é deturpante do começo ao fim.

Masoquista. Perspicaz.

Aos meus olhos e aos seus.

 

E talvez seja num abraço o mesmo sentimento.

Insaciável. Voraz. Cruel.

Translúcido.

Anúncios

Um pensamento sobre “Translúcido

  1. Gostei muito do que li aqui.
    Gostei demais do nome do blog e fico muito feliz que também tenha gostado do meu espaço!
    Com certeza voltarei 🙂
    Abraços,
    Lyani

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s