O Assalto

A face úmida e jogada no chão.

O calor do asfalto aquece o corpo caído no chão.

Pessoas em volta, o redemoinho de incapazes de pedir socorro.

Olhares curiosos.

Entendedores, querendo entender o ocorrido.

Um grito.

– Socorro!

Um homem com a pele de cor branca.

Sem grana, pertences e no momento sem parentes.

Baleado e agonizando.

Até a onde meus olhos puderam acompanhar, um assalto.

 

Vamos lá, deixe um comentário ; )

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s