Ilusão

Nada havia ali, nada tinha para ver aqui.

Choveu, molhou e de nada adiantou;

 – Aumentou!

O medo do desapego, do desespero em não ter o seu amor batendo no meio peito.

– Traiçoeiro!

O coração e o desejo, pois tudo é sexo, prazer.

Sem querer, meu bem querer, não restou nada a fazer.

Nada havia ali, nada tinha para ver aqui.

Choveu, molhou e de nada adiantou;

Matamos a esperança de em algum momento existir o amor.

Vamos lá, deixe um comentário ; )

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s