A Sala

Com uma parede vermelha…

Chama minha atenção, alimenta minha inspiração, me mostra a sua solidão. Seria você a calmaria dos meus pensamentos? Certamente direi em algum tempo que “Não”.

Pois te ignoro, te esqueço, não te olho quando você pede para ter a minha atenção, você gostaria que te acompanhasse e percebesse a sua resistência, a sua proteção e o seu conforto. Tratar-te-ei como uma estranha em minha própria casa, mas guardarei em meu peito algum sentimento por você, pois a sua diferença será minha. Serei louco conversando com as paredes, pois o seu silêncio será o meu.

Esconderei-me, serei frio, procurarei o meu espaço. Sem os verdadeiros traços da minha velhice, louco, cansado e sozinho, tem apenas uma parede em que escrevo nela todos os meus pensamentos. Já os sonhos não citarei, pois eles estão presos no travesseiro e sim, continuarei a olhar…

A parede vermelha.

Vamos lá, deixe um comentário ; )

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s